11/06/2010

Nota Oficial Conjunta dos Conselhos Deliberativo e Administrativo do CAP.

O CLUBE ATLÉTICO PARANAENSE, através de seus Conselhos Deliberativo e Administrativo, vem se manifestar quanto à decisão tomada em Reunião Extraordinária ocorrida em 10 de junho de 2010, acerca da proposta da Prefeitura Municipal para o financiamento das obras de adaptação do Estádio Joaquim Américo ao caderno de encargos da FIFA para a Copa do Mundo 2014.
Ao receber a proposta oficial da Prefeitura na semana passada, o Conselho Administrativo do Clube, apesar de estar autorizado pelo Estatuto Social a apreciar isoladamente a proposição, decidiu submetê-la ao Conselho Deliberativo.
Na reunião do dia 10 o Prefeito Municipal Luciano Ducci e o Secretário de Governo Luiz Fernando Jamur descreveram a proposta apresentada pela Prefeitura, que consiste basicamente na concessão de "potencial construtivo" para os clubes localizados nas Zonas Especiais Desportivas. Esse potencial construtivo é um ativo que pode ser negociado pelo seu titular no mercado imobiliário curitibano, gerando receitas que iriam financiar parcialmente os custos da obra.
Após a explicação, coube à empresa de consultoria independente S. I. M. CONSULTORIA E SISTEMAS LTDA., contratada pelo Clube, apresentar um parecer econômico-financeiro sobre os custos da obra, os encargos de financiamento junto ao BNDES, e o valor estimado de captação de recursos com a negociação do "potencial construtivo" junto ao mercado imobiliário.
A conclusão da empresa apontou que, havendo a aprovação da proposta da Prefeitura e a tomada de financiamento junto ao BNDES, o Clube assumiria um ônus financeiro mensal inviável, que colocaria em risco o patrimônio integral da associação e poderia impossibilitar a própria manutenção da equipe de futebol.
A proposta da Prefeitura, prevendo exclusivamente a concessão de "potencial construtivo" ao Clube, sem o oferecimento de fontes complementares por parte do Poder Público ou de terceiros, foi rejeitada pela unanimidade dos presentes.
Os Conselhos Deliberativo e Administrativo do Clube Atlético Paranaense reconhecem a importância da vinda da Copa do Mundo para Curitiba e os benefícios que as obras de infraestrutura na nossa cidade e no nosso estado oferecerão aos cidadãos curitibanos e paranaenses.
Entretanto, não é aceitável que o Clube, que se dispôs a ceder sua praça de desportos para receber jogos da Copa do Mundo 2014 e viabilizar a participação de Curitiba nesse grande evento, acabe assumindo isoladamente custos e riscos insustentáveis e incompatíveis com a capacidade de endividamento do Clube.
De todo modo, os Conselhos Deliberativo e Administrativo do Clube agradecem a louvável iniciativa do Prefeito Municipal Luciano Ducci, o qual formulou a única sugestão concreta para auxiliar a viabilidade do projeto, e destacam ainda que o CLUBE ATLÉTICO PARANAENSE permanece de portas abertas para participar de alternativas financeiramente viáveis para realização de jogos da Copa do Mundo 2014 no Estádio Joaquim Américo.
Saudações Rubro-Negras!

Marcos Augusto Malucelli
Presidente do Conselho Administrativo

Gláucio José Geara
Presidente do Conselho Deliberativo